O que fazer com o fundo de reserva do condomínio

Uma das responsabilidades do síndico é administrar e gerenciar a vida financeira do condomínio. Além disso, ele também é responsável por sugerir onde o dinheiro do fundo de reserva do condomínio será investido e colocar em aprovação de uma assembleia específica para esse fim.

Pensando nisso, selecionamos alguns investimentos que podem ser feitos usando o fundo de reserva do condomínio.

O que é o fundo de reserva?

Antes, precisamos entender melhor o que é e como funciona o fundo de reserva do condomínio.

Em resumo, o fundo de reserva é um estoque de dinheiro feito para garantir que o condomínio consiga realizar investimentos. Sua principal função é dar suporte financeiro para futuros investimentos do condomínio, como obras, manutenções ou pagamento de despesas emergenciais.

É a Lei nº 4.591/64, que instituiu a cobrança do fundo de reserva. Segundo a lei, é na convenção do condomínio que estão determinadas as orientações sobre o fundo, como:

  • O valor da contribuição conforme porcentagem da cota condominial (geralmente 5% a 10%);
  • Se a cobrança será feita por prazo indeterminado ou por um determinado período;
  • Se o caixa pode cobrir despesas extraordinárias e/ou ordinárias;
  • Como é calculado o rateio do valor.

Para alterar qualquer detalhe sobre o fundo de reserva deverá ser convocada uma assembleia de condomínio para discutir as alterações. Da mesma forma, caso a convenção não ofereça informações sobre o assunto, é necessário aprová-las em assembleia. Para a alteração da convenção, o quórum necessário é de dois terços dos condôminos.

O que fazer com o fundo de reserva do condomínio

Fundo de reserva do condomínio

Agora que você já sabe como funciona o fundo de reserva do condomínio, chegou a hora de saber como pode investir esse valor.

Pagamento de emergências do condomínio

O fundo de reserva pode ser usado para cobrir despesas emergenciais que surgiram no condomínio, como conserto do elevador, desentupimento de canos, manutenção na fachada, entre outras despesas que surjam de forma emergencial no condomínio.

Por se tratar de uma emergência, o síndico pode utilizar o Fundo de Reserva, mas após, deverá solicitar a ratificação da aprovação em assembleia.

Realizar melhorias no condomínio

Fundo de reserva do condomínio

Outro destino bastante comum para o fundo de reserva do condomínio é para quitar melhorias realizadas no condomínio, como pintura da fachada, melhorias no salão de festas, piscina ou demais áreas comuns do condomínio.

Abater a taxa condominial

Existem casos em que o síndico do condomínio opta por usar o fundo de reserva para abater a taxa condominial dos moradores. Com isso, ao invés do condômino pagar a taxa de condomínio o fundo de reserva é usado para cobrir as despesas.

Realizar ações específicas

É possível também que o condomínio crie um fundo de reserva exclusivo para casos específicos como a compra de um novo elevador para o prédio, aquisição de câmeras de segurança, novos equipamentos para a academia ou a troca do sistema de gás do prédio.

Por se tratar de uma compra com valor bastante elevado, o fundo específico é uma boa alternativa para não prejudicar as finanças do condomínio.

Os fundos específicos só podem ser criados mediante votação, em assembleia, e é importante estar especificado na convocação que esse assunto será tratado.

Aplicar o valor do fundo de reserva do condomínio

Fundo de reserva do condomínio

Quando falamos em fundo de reserva é fundamental ter em mente duas ações extremamente necessárias para garantir a transparência da gestão do fundo.

A primeira é garantir que o dinheiro não seja desvalorizado, logo é muito importante que o valor seja aplicado em uma caderneta de poupança ou algum fundo de investimento com aplicações de curto prazo, que permitam que o valor seja resgatado a qualquer momento.

Também é essencial que o fundo de reserva seja depositado em uma conta diferente da conta bancária do condomínio que é destinada para despesas.

Gostou das dicas para investir o fundo de reserva do seu condomínio? Conta pra gente qual foi o uso mais legal que o seu condomínio já fez com o fundo de reserva.

Scroll Up